Varitus Brasil

Ética da Inteligência Artificial (IA) – quais as questões mais críticas que sua empresa precisa considerar?

Assuntos Gerais, RPA Robotic Process Automation, Serviços Extras

Há décadas os filmes de ficção científica mostram estórias nas quais máquinas ‘inteligentes’ criadas pelo homem para facilitar a vida humana, evoluem perigosamente, a ponto de se rebelarem contra seus criadores.

Longe das telas, a realidade é que a Inteligência Artificial (IA) é um dos temas mais fascinantes, promissores, mas, também, complexos para a sociedade e o meio empresarial lidarem.

Robôs e softwares estão sendo lançados e constantemente aprimorados, permitindo uma série de benefícios para as organizações e para as pessoas, uma vez que automatizam processos, reduzem margens de erros e quase sempre reduzem custos, tornando as empresas mais competitivas.

Entretanto, há muitas questões éticas envolvidas, e é preciso conhecer as principais e analisá-las, para que as organizações possam extrair os benefícios do uso da Inteligência Artificial da forma mais positiva possível para seus negócios, seus clientes, seus colaboradores e para o mundo. Continue a ler esse artigo e saiba mais a respeito.

O que é Inteligência Artificial (IA)

É a computação desenvolvida e constantemente aprimorada para que equipamentos, softwares, aplicativos e outros sistemas sejam capazes de interpretar dados, realizar tarefas seguindo padrões pré-estabelecidos e, durante o processo, aprender e evoluir nessa sequência, gerando mais e melhores resultados.

Alguns exemplos de Inteligência Artificial aplicada ao cotidiano das pessoas e na operação das empresas

-Robôs que ‘atendem’ os clientes via WhatsApp, por meio de menus que geram interações para solucionar diversas demandas;

-Assistentes virtuais como a Alexa e Google Assistente, que obedecem comandos de voz para executar diversas buscas e tarefas;

-Aplicativos de Geolocalização, elaboração e gestão de rotas, que analisam demandas e apresentam opções de trajetos mais curtos ou menos congestionados;

-Equipamentos de vigilância com reconhecimento digital ou biométrico;

-Serviços de streaming de conteúdo, que, com base nas escolhas do usuário, apresentam indicações de filmes, séries e programas alinhados com suas preferências;

-Sistemas de segurança e antifraude, com os quais operadoras de cartões de crédito detectam usos dos cartões fora dos padrões dos efetivos titulares;

-Ferramentas de e-commerce.

-Sistemas para emissão, guarda e gestão de documentos eletrônicos

-Softwares que executam tarefas repetitivas no escritório – Robotização de Tarefas (checagem de e-mails, extração de dados, cálculos, planilhas, etc).

Desafios que as empresas em geral enfrentam para adotar IA com ética e eficiência

-Baixa qualidade e desorganização de dados – os parâmetros utilizados para desenvolvimento de sistemas com IA precisam ser confiáveis e organizados, para que possam ser compreensíveis e constantemente aperfeiçoados e sejam realmente úteis para os negócios;

-Falta de planejamento – ao adotar ferramentas e recursos de IA, muitas empresas negligenciam um bom planejamento, o que pode leva-las a pular etapas, fazer investimentos equivocados e gerar resultados nocivos aos negócios;

-Falta de treinamento e de supervisão humana – todos os envolvidos no processo de implementação e uso da IA têm de ser treinados e a supervisão humana, em muitos casos, é essencial.

Algumas das principais questões éticas envolvendo a Inteligência Artificial*

  • Desemprego resultante da extinção de postos de trabalho;
  • Aprofundamento das desigualdades sociais, pela má distribuição da riqueza gerada pelas máquinas;
  • Alterações no comportamento das pessoas, com impactos nas relações interpessoais;
  • Erros cometidos por robôs, máquinas, softwares e sistemas autônomos dotados de IA e potenciais riscos para as pessoas;
  • Preconceitos e discriminações reproduzidas por máquinas e sistemas com IA abastecida com dados ruins, parciais ou pouco confiáveis;

Como implantar recursos de IA na sua empresa com ética e eficiência

É fundamental cercar-se de bons fornecedores, empresas de T.I. comprometidas com um trabalho de excelência e certificadas por instituições de renome.

Essa medida garantirá investimentos feitos com critério, planejamento, qualidade, treinamento, suporte e constante aprimoramento.

A VARITUS Brasil é associada à ABES (Associação de Empresas Desenvolvedoras de Softwares), o que atesta a qualidade e a robustez de suas soluções digitais, incluindo aquelas que promovem a Robotização de Tarefas nas empresas, de forma segura e ética.

Consulte nossos especialistas para saber mais. Clique aqui.

*Conforme debates do Fórum Econômico Mundial

29 de novembro de 2022

VARITUS Brasil


Comentários

Nos conte o que achou deste artigo.

Blog

Acompanhe as principais publicações do nosso blog

Proteção dos dados da empresa

Proteção dos dados da empresa

À medida que continuamos a fortalecer nossa postura de segurança […]

Ler mais

Instabilidade no sistema SEFAZ

Instabilidade no sistema SEFAZ

Comunicado  Prezado amigo e parceiro,  Espero que esta mensagem o […]

Ler mais

Automatizando processos para usar os times em tarefas estratégicas: o papel do RPA

Automatizando processos para usar os times em tarefas estratégicas: o papel do RPA

A eficiência operacional e na gestão é crucial para o […]

Ler mais